Home / Veículos / Carros / Jaguar lança XJ50 para celebrar os 50 anos do seu sedã mais luxuoso

Jaguar lança XJ50 para celebrar os 50 anos do seu sedã mais luxuoso

 O Jaguar XJ50 não tem previsão de chegar ao mercado brasileiro

O Jaguar XJ50 não tem previsão de chegar ao mercado brasileiro

A Jaguar está comemorando 50 anos de seu sedã topo de linha, o XJ, que de acordo com a marca tem sido o preferido de líderes empresariais, celebridades, políticos e realeza por cinco décadas. Para celebrar, a marca britânica lançou uma edição especial, o XJ50, que foi revelado no Salão de Pequim.

Disponível com entre-eixos padrão ou estendido, o XJ50 possui uma opção de motor a gasolina 3.0 litros de 340 CV e uma a diesel de 300 CV. As atualizações externas do XJ50 incluem para-choques frontais e traseiros no estilo Autobiography, que marcam a edição de aniversário, juntamente com as novas rodas Venom de 20 polegadas, uma grade dianteira preta e um emblema exclusivo para as saídas de ar laterais e traseiras. A paleta de cores exteriores inclui Fuji White, Santorini Black, Loire Blue e Rosello Red.

No interior, a luxuosa cabine possui assentos acolchoados com costura que formam o contorno de diamantes e um logotipo XJ50 no braço central. A marca exclusiva de entalhe e as soleiras com o emblema iluminado XJ50 também diferenciam a edição de aniversário.

XJ50-2
“Comemorando meio século, o Jaguar XJ permanece fiel à sua herança com um equilíbrio maravilhoso entre um design elegante, desempenho inteligente e luxo inigualável, que garante o seu destaque. Este é um carro que vale a pena comemorar e o XJ50 presta homenagem a um gigante dentro da marca Jaguar, que acreditamos ser um dos sedãs esportivos mais elegantes do mundo”, disse Ian Callum, diretor de design da Jaguar.

O XJ Série 1 começou a distinta dinastia em 1968 e, por oito gerações, o sedã de luxo vem atraindo a atenção de todo o mundo. Seja transportando VIPs e políticos, ou como o veículo preferido de líderes empresariais e da realeza, o XJ tem sido um dos pilares da estrada da Jaguar por cinco décadas.

VEJA TAMBÉM
Brasil terá mostra de carros clássicos, modernos e superesportivos

Inovando desde a sua chegada, o XJ sintetizou a abordagem inovadora, que definiu o sedã de luxo da Jaguar nos últimos 50 anos. Quatro anos depois, tornou-se o único carro de quatro portas de 12 cilindros produzido em massa e, com uma velocidade máxima de 225 km/h, foi também o mais rápido modelo de quatro lugares do seu tempo.

Outros modelos foram lançados em seguida, com distâncias entre-eixos padrão e estendidas, além de carrocerias com duas e quatro portas. O Série 2 foi o primeiro a oferecer um modelo cupê de duas portas em 1975 e o XJ40, em produção por oito anos a partir de 1986, apresentou a famosa alavanca de câmbio “J” gate e suspensão autonivelante.

XJ50-1Uma revolucionária carroceria de alumínio ajudou a reduzir o peso do XJ em 40% desde 2003, antes que o atual modelo XJ trouxesse tecnologias adicionais, como tração nas quatro rodas e um painel de instrumentos virtual. Com a introdução da linguagem de design icônica do diretor de design da Jaguar Ian Callum, ele também foi lançado com luzes traseiras inspiradas em garras de gato.

Em constante evolução, ao mesmo tempo em que continua a ser um dos grandes sedãs do mundo, o XJ fez uma série de aparições nas telas do cinema. Suas participações em filmes como Simplesmente Amor (2003) e Caçada na Noite (1979), bem como na franquia 007 de James Bond, são a prova do apelo cultural duradouro do Jaguar XJ.

O XJ50 é um tributo adequado ao estilo e desempenho duradouros do sedã de luxo da Jaguar. Não há previsão de chegada deste modelo para o mercado brasileiro.

Comente esta matéria

Fique tranquilo: o seu endereço de e-mail é apenas para controle interno e não será publicado. Os campos marcados são de preenchimento obrigatório! *

*

Voltar ao topo